LUZ NO FIM DO TUNEL

( O FIM DO FIM DO IMPOSTO SINDICAL)


No Brasil não basta apenas existir uma lei. É preciso que ela seja levada ao supremo para testar a sua constitucionalidade. Foi o que ocorreu ontem com o término do imposto que de forma "soft" era a chamado de "contribuição sindical". Em 2017 foram arrecadados pelos sindicatos 1.4 bilhões de reais. Dinheiro fácil, agora precisará ser conquistado  pelos sindicatos, que só terão essa receita se os empregados optarem e concordarem com o desconto em folha. O resultado prático é que a grande maioria dos sindicatos vai desaparecer e apenas os que forem de fato representativos vão sobreviver. Para fazer o serviço completo, só falta dar o mesmo tratamento aos partidos políticos. Ou seja, teríamos que eliminar o fundo partidário federal, que só em 2017 gastou 2.7 bilhões do nosso pobre orçamento público. Gostaria de ver se os partidos sobreviveriam apenas com a contribuição espontânea dos seus filiados e simpatizantes para a sua manutenção e realização de suas campanhas eleitorais. Este é o nosso verdadeiro e central problema, que não foi extirpado na ultima reforma eleitoral. Mas para isto acontecer será necessário que os nossos representantes no congresso votem pela sua extinção. Muito pressão social precisa ser feita pela sociedade neste sentido.  Esta tem que  ser uma das nossas maiores bandeiras para tentar  combater o "status quo" indecoroso na nossa atual politica nacional.




Comentários

Popular Posts

REVISÃO DO FGTS - INPC X TR ( PERÍODO DE 1999 A 2013)

COMO CORRIGIR O PASSADO - A VIDA TODA

EMPRÉSTIMO CONSIGNADO - APOSENTADO INSS - aumento de margem 40%