PAPAI NOEL

( um dinheiro possível)



Acabamos de levantar mais 100 mil reais de um cliente que tinha diferenças dos planos econômicos. Fico feliz quando isto ocorre porque além de ser uma receita operacional da Consultoria é principalmente uma receita extraordinária em tempos difíceis para um amigo.  Dá um look pois talvez se aplique a você, aos seus pais ou avós. Se tiver dúvida me liga que eu converso contigo com muito prazer. Obrigado.


Planos econômicos: Para os que trabalhavam entre janeiro de 1989 a abril de     1990 com direito ao FGTS e que não receberam as diferenças devidas pelos planos (por acordo com a caixa econômica ou processo judicial). São diferenças de aproximadamente 80% do saldo do FGTS da época e que são devidas atualizadas até o presente.  Nos últimos 3 anos encontramos diferenças que vão de 50 mil reais a 1.4 milhões:  https://drive.google.com/file/d/1wo1VqttMpIrdK0ZkJnJf5cgkTEndgOQ1/view?usp=sharing


·      Juros progressivos: devidos aos admitidos antes de 1/9/1971 e que fizeram a opção retroativa pelo FGTS entre janeiro de 1967 e 31/8/1971. São diferenças de taxas de juros sobre os saldos do FGTS, que deveriam ser cobertos pela taxa de 6%, mas receberam apenas 3%. Este no momento com um caso que monta 200 mil reais de diferenças para receber:

·     Revisão de aposentadoria (ou pensão) do INSS: aplicável às aposentadorias iniciadas entre 5/10/1988 e 30/04/1991. Estamos com 3 casos reconhecidos pela justiça em primeira e segunda instância. Esses casos representam revisão da aposentadoria em média de 50% do seu valor e diferenças dos últimos 10 anos em média de 130 mil reais:  https://drive.google.com/file/d/0BzV5sYVfMn8LaXo3MXd3OGxOZUU/view?usp=sharing·          


Comentários

Popular Posts

REVISÃO DO FGTS - INPC X TR ( PERÍODO DE 1999 A 2013)

COMO CORRIGIR O PASSADO - A VIDA TODA

EMPRÉSTIMO CONSIGNADO - APOSENTADO INSS - aumento de margem 40%